SAC 0800-VEDACIT 0800-833-2248 de Segunda a sexta das 8h às 17h45

VEDATOP

  • Galão de 3,6 kgGalão de 3,6 kg
  • Balde de 18 kgBalde de 18 kg
  • Caixa de 18 kgCaixa de 18 kg
Informações do produto Baixar FISPQ
VEDATOP é uma argamassa polimérica de base acrílica impermeável de alta aderência e de fácil aplicação. Pode ser aplicado sobre concreto, blocos cerâmicos e de concreto, fibrocimento, rebocos e demais bases cimentícias. VEDATOP não é tinta de acabamento, embora permita que as paredes recebam pintura.

Características do componente A

Densidade: 1,23 g/cm³
Aparência: Cinza
Composição básica: Aditivos especiais., Agregados minerais., Cimento.

Características do componente B

Densidade: 1,02 g/cm³
Aparência: Líquido Branco(a)
Composição básica: Polímeros acrílicos.


Validade: 9 meses


Campos de Aplicação

  • Indicado para vedar e eliminar vazamentos e umidade em:
  • reservatórios e caixas-d'água potável (exceto
  • PVC e plástico);
  • piscinas;
  • paredes sujeitas à infiltração de água de chuva;
  • rodapés;
  • áreas frias (box, banheiros, cozinha e área de
  • serviço);
  • subsolos;
  • poços de elevadores;
  • fundações.
  • Obs.: No caso de reservatórios, caixas-d'água e piscinas elevados, utilizar o revestimento impermeabilizante flexível VEDATOP FLEX.

Preparo do substrato

O concreto deve estar limpo, seco, sem impregnação de produtos que prejudiquem a aderência, como graxa, agentes de cura química, óleo, tintas, entre outros. Quando necessário, a superfície a ser impermeabilizada deve estar com caimento mínimo de 1% em direção aos ralos ou condutores de água. Cantos vivos e arestas deverão ser arredondados, com raio de 5 cm. Examinar antes se na superfície a ser impermeabilizada há trincas que venham a exigir um reforço local. Barras de aço expostas, oxidadas ou demais irregularidades devem ser tratadas com materiais compatíveis. Eventuais trincas devem ser tratadas previamente. Nesses casos, consulte o departamento técnico da Vedacit. Conferir se todos os ralos estão colocados na posição correta e com arremate adequado.

Preparo do produto

Adicionar o componente A (pó) ao componente B (líquido) e misturá-los, de preferência, com agitador mecânico. Aplicar em 1 hora, no máximo, após a mistura. Caso não venha a ser utilizado de uma só vez, misturar os componentes na proporção 1:3 (líquido:pó), em peso.

Aplicação

VEDATOP pode ser aplicado com broxa ou trincha, de 3 a 4 demãos cruzadas, respeitando o consumo por m², com intervalo de 6 horas entre cada demão, na a superfície com água limpa, cuidando para não encharcar. Ao redor de ralos, juntas de concretagem e meiascanas, colocar tela de Poliéster VEDATEX como reforço entre a 1ª e a 2ª demão do VEDATOP. Nas superfícies horizontais, aplicar com broxa ou vassourão. Com uma desempenadeira, o produto também pode ser aplicado como revestimento, bastando diminuir a quantidade do componente B (líquido). Em paredes externas, VEDATOP deve receber acabamento de VEDAPREN PAREDE ou tinta acrílica. As paredes tratadas podem receber qualquer tipo de revestimento, exceto pintura à base de solvente. Em piscinas, aplicar argamassa colante e revestimento cerâmico após a cura da última demão e teste de estanqueidade por, no mínimo, 72 horas. Em caixas-d'água não esquecer de impermeabilizar a parte inferior da tampa, para evitar problemas de infiltração por condensação. -Proteção Antes de executar o revestimento, a superfície tratada deve ser chapiscada, utilizando-se para isso o produto BIANCO. Aguardar 1 dia depois da última demão de VEDATOP e comprovar a estanqueidade do sistema. Para isso, vedar os ralos e deixar uma lâmina de água com cerca de 5 cm de altura por, no mínimo, 72 horas.

Consumo aproximado

- Pintura: 850 g/m²/demão
- Revestimento: 1,1 kg/m²/camada

Rendimento

Galão de 3,6 kg - Pintura - 1,5 m² / Revestimento - 1 m²
Balde de 18 kg - Pintura - 7 m² / Revestimento - 5,4 m²
Caixa de 18 kg - Pintura - 7 m² / Revestimento - 5,4 m²

Armazenamento

Estocar o produto em local seco e arejado, obedecendo aos mesmos procedimentos de estocagem do cimento.

Atenção

Aplicar, sempre que possível, nos pontos em que a água exerce pressão. Piscinas, caixas-d'água e reservatórios podem receber água de 3 a 5 dias depois da aplicação do produto, conforme a temperatura, ventilação e umidade relativa no local. As caixas-d'água devem ser lavadas e escovadas antes de receber água a fim de que não seja afetada a sua potabilidade. No caso de aplicação em piscinas e reservatórios, incluindo caixas-d'água executadas com anéis de concreto, deve-se observar e corrigir eventuais trincas e falhas decorrentes da movimentação ou deficiência estrutural. Em tanques para a criação de peixes, é essencial verificar o pH da água antes do uso. Não aplicar sob sol intenso.

Meio ambiente

Contatar o órgão ambiental local, no caso de vazamento ou contaminação de águas superficiais, mananciais ou solos. Descartar os resíduos em instalação autorizada, de acordo com a legislação ambiental vigente. Descartar os resíduos em instalação autorizada, de acordo com a legislação ambiental vigente. Evitar que o produto atinja bueiros e cursos de água.

EPI (Equipamento de proteção individual)

  • Óculos de segurança
  • Avental de PVC.
  • Máscara com filtro para pó
  • Luvas de borracha

Primeiros socorros - Componente A

  • Contato com os olhos: lavar com bastante água corrente, durante pelo menos 15 minutos. Procurar um médico.
  • Contato com a pele: lavar com bastante água corrente, durante pelo menos 15 minutos.
  • Inalação: remover para ambiente fresco e ventilado.
  • Ingestão: não provocar vômito. Procurar um médico.

Primeiros socorros - Componente B

  • Contato com os olhos: lavar com bastante água corrente, durante pelo menos 15 minutos. Procurar um médico.
  • Contato com a pele: lavar com bastante água corrente, durante pelo menos 15 minutos.
  • Inalação: remover para ambiente fresco e ventilado.
  • Ingestão: não provocar vômito. Procurar um médico.

Dados técnicos

Pot Life: 0,001925

VOC (Compostos Orgânicos Voláteis): 0,001925

Ensaios

Código Ensaio Laboratório Observações
RE 70.257/02Determinação de Resistência Aderência à TraçãoL.A. Falcão BauerDETERMINAÇÃO DE RESISTÊNCIA ADERÊNCIA À TRAÇÃO NBR 12171

TENSÃO DE RUPTURA---------------1,4 MPA

OBS: IDADE 28 DIAS
ESPESSURA DE APLICAÇÃO 3 MM
ESPECÍFICAÇÃO MIN. EXIGIDA NA NBR 11.905 É DE 0,3 MPA

ENSAIOS REALIZADOS EM CONDIÇÕES LABORATORIAIS
RE 73.317/05Ensaio de PotabilidadeConcrematPOTABILIDADE DA ÁGUA APLICÁVEL EM SISTEMA DE IMPERMEABILIZAÇÃO - NBR 12170

RESULTADOS FÍSICOS E QUÍMICOS

CONCLUSÃO: ÁGUA QUIMICAMENTE POTÁVEL


ENSAIOS REALIZADOS EM CONDIÇÕES LABORATORIAIS
Galão de 3,6 kg
Balde de 18 kg
Caixa de 18 kg
Voltar ao topo
©2019. Todos os direitos reservados.
Associado